Como expor obras de arte em casa. Dica do arquiteto convidado Rafael Luz – Parte 2

Oi pessoal o post de hoje é a segunda parte das dicas do Rafael Luz que escreveu para nossa série “dicas de Design dos convidados do Blog” .O Arquiteto e Urbanista sócio do Studio Modello Arquitetura e Design, continuou dando dicas de como expor suas obras de arte sem errar olha só….

E ele me enviou um material maravilhoso com dicas para quem não sabe como expor obras de arte, mas pra ficar mais fácil eu vou dividir as dicas dele em posts separados pra vocês não perderem nenhum detalhe ok?  se você ja perdeu o anterior é só clicar AQUI mas se você já viu é só seguir adiante…vamos la….

Algumas medidas devem ser respeitadas

O centro da composição deve ficar na altura do olho (1,60m). Caso o teto seja muito alto, os quadros podem ficar um pouco acima. Se expor onde as pessoas fiquem sentadas, pendure na altura dos olhos de quem estiver sentado.

dicas como expor obras de arte emme interiores e studio modello (12)O centro da composição deve ficar na altura da vista (1,60m)

dicas como expor obras de arte emme interiores e studio modello (13)

Perceba como a altura dos quadros ficou desproporcional nessa ambientação. Um desastre.

Quando colocados acima de móveis como sofá, aparador ou cabeceira de deve se manter uma distância entre 20 ou 25 centímetros do móvel. Quando colocados em prateleiras na sala normalmente ficam a 1m do piso

dicas como expor obras de arte emme interiores e studio modello (14)

Composição alinhada pela base a 25cm do topo do sofá. Essa medida é importante para evitar que se encoste na obra.

Simetria e Assimetria

Mais uma decisão a ser tomada: Você vai criar uma composição simétrica ou assimétrica? A simetria passa uma maior seriedade e vai bem em composições formais. São mais fáceis de obter equilíbrio, mas podem ficar muito frias, impessoais e artificiais

Já a composição assimétrica é mais dinâmica e espontânea, porém é mais difícil encontrar a harmonia e o equilíbrio. O risco de errar é maior. Uma técnica possível é encontrar o meio da região onde será feita a composição e distribuir quadros de mesmo tamanho nos dois lados ou então espalhar quadros menores de um lado e maiores do outro, mantendo igual espaçamento entre eles. Você pode conseguir uma assimetria harmônica brincando com tamanhos, molduras, formatos e cores. Vale a pena experimentar.

dicas como expor obras de arte emme interiores e studio modello (15)

À esquerda uma composição simétrica. Perceba que a composição ficou interessante pelo uso da cor, o que quebrou o excesso de formalidade. À direita, a composição assimétrica usou como critério a criação de um centro em torno do qual as outras obras foram dispostas.

dicas como expor obras de arte emme interiores e studio modello (16)

Sofá simétrico, quadro simétrico, arte africana simétrica… Simetria demais fez a composição ficar chata, monótona e certinha de mais.

Contraste

O contraste é dado pela relação de diferença entre cores e texturas da tela, da moldura e da superfície onde ela será exposta.

Em ambientes claros é interessante usar fotos e gravuras coloridas, ou apostar no preto e branco.Já em paredes escuras use molduras e paspatur (superfície colocada entre a imagem e a moldura) em tons claros para criar contraste.

Em paredes coloridas, vão bem imagens em preto e branco assim como molduras e paspatur claros para destacar ainda mais.Sobre estampas, o ideal é combinar as cores de quadros e molduras entre si ou com a própria parede.

dicas como expor obras de arte emme interiores e studio modello (17)

Em parede escura use molduras claras, ou abuse do paspatur.

dicas como expor obras de arte emme interiores e studio modello (18)

Em paredes claras uma boa opção é optar pelo preto e branco.

dicas como expor obras de arte emme interiores e studio modello (19)

Parede de tijolinho pintada de branco em perfeito contraste com as imagens pretas e coloridas. Uma bela composição.

dicas como expor obras de arte emme interiores e studio modello (20)

Parede vermelha, quadros em cor clara.

E a moldura, é necessária?

Em geral pinturas menores precisam ser expostas com algum complemento. Se a parede for grande uma moldura como as usadas em museus pode ajudar a cobrir o espaço que sobra. Para quadros maiores não é necessário usar molduras, se usar é interessante uma cor clara. As obras mais clássicas pedem molduras mais trabalhadas, enquanto as modernas pedem molduras mais retas e simples. Mas não se prenda à regra. Misturar molduras é sempre legal.

A moldura dá contraste é a responsável pelo acabamento do quadro. Escolha uma que combine com a pintura e com a decoração do recinto.

Em quadros tipo caixa, além da moldura é essencial o uso do vidro ou um acrílico para proteger objetos como convites, lembranças, bibelôs, etc.

dicas como expor obras de arte emme interiores e studio modello  (17)

Telas grandes, pinturas contemporâneas não necessitam de moldura. Esta inclusive foi colocada no chão e ficou muito interessante.

dicas como expor obras de arte emme interiores e studio modello  (18)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A moldura também deve seguir o estilo do quadro. Nessa imagem as molduras muito bem trabalhadas trouxeram luxo e feminilidade à composição.

Hierarquia e equilíbrio (contrabalanço)

Se uma das obras é mais imponente ou significativa para você, dê o devido destaque. Ela pode ocupar uma parede vazia se tiver um bom tamanho, ou contrabalancear com as obras menores. Evite manter dois pontos focais de forte presença concorrendo no ambiente. Para estar juntos eles precisam se completar.As obras também não podem brigar com o restante da decoração. Se a mesa de jantar já é imponente, não carregue visualmente a parede. O contrabalanço é portanto você conseguir dar o correto destaque ao que interessa sem cansar a vista.

dicas como expor obras de arte emme interiores e studio modello  (19)

A obra mais imponente da composição se destaca. As outras ficam em um grau menor de hierarquia.

dicas como expor obras de arte emme interiores e studio modello  (20)

Composição limpa, destacando a parede azul e o quadro. Não foi necessário usar mais nada na parede.

dicas como expor obras de arte emme interiores e studio modello (25)

Nenhum dos quadros é mais importante que o outro. Os dois dialogam e se equilibram. Eles se completam.

dicas como expor obras de arte emme interiores e studio modello (1)Os espelhos pendurados na parede são pesados, com molduras muito grossas, acabaram brigando com a mesa e as luminárias. Não há hierarquia, equilíbrio ou harmonia.

Iluminação e visualização

Uma boa iluminação é fundamental para expor corretamente as obras de arte. Ela deve ser suave de modo que as pinturas fiquem bem iluminadas e sem reflexo. As lâmpadas podem estar embutida no forro, enfileiradas em trilho, ou como bastões de luz.

Uma boa opção é utilizar lâmpada dicróica 50W com filtro embutida no teto, a uma distância de 50 ou 60 cm da parede na qual está o quadro e buscar a melhor angulação para valorizar a pintura. Se colocar muito junto à parede não vai iluminar o quadro e sim a parede, criando aquelas formas distorcidas. Luz muito forte altera a relação de contraste e portanto de profundidade da obra.Quanto à visualização, procure um local de destaque, com perspectiva, que possa ser visto por quem chega ao ambiente e por diversos ângulos.

dicas como expor obras de arte emme interiores studio modello (2)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A luz embutida no teto ilumina a obra de arte de maneira correta, sem distorções. A obra fica de frente para quem está chegando no apartamento.

dicas como expor obras de arte emme interiores studio modello (3)

A iluminação foi colocada no teto muito próximo à parede. Resultado: O quadro ficou na sombra e ainda ganhou esses “chapeuzinhos” iluminados em cima. Acertou na decoração mas errou na iluminação.

 O que expor e onde expor?

Além de quadros e telas convencionais você pode expor imagens fotográficas, gravuras, pôsteres, troféus, medalhas, scrapbooks, letras, pratos coloridos, cartão postal, lembranças e relíquias da família. Busque inspiração e ouse.

As obras de arte podem ser expostas em qualquer ambiente, residencial ou comercial. Podem estar apoiados em estantes, prateleiras ou até mesmo no chão. Não exponha as obras de arte a variações severas de temperatura. Cuidado com lareiras, aquecedores, ar-condicionados, fogões, churrasqueiras, etc.  Cuidado também com humidade. Em ambientes como banheiro é importante vedar a pintura com vidro. As telas protegidas por vidro não devem ficar em locais de frente para janelas para não captarem reflexos.

É preferível coloca-las em paredes que não estejam voltadas para o exterior por conta da variação de temperatura e as infiltrações. Se ainda assim você precisar expor nessas paredes use uma proteção plástica ou de borracha atrás da moldura para não ficar em contato direto com a parede. Veja alguns exemplos de locais onde expor.

No hall: Um quadro grande atrás de um aparador, pode estar sozinho ou em composição com outros menores.

Escadas: Quadros de tamanho médio seguindo alinhamento dos degraus. Os quadros são uma boa pedida também para decorar o espaço embaixo da escada.

dicas como expor obras de arte emme interiores studio modello (4)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Embaixo da escada. Porque não?

Banheiro: Quadros pequenos, com moldura e vidro.

Corredor: quadros pequenos pois serão vistos de perto. Se quiser que as pessoas apenas passem sem parar, é melhor usar adesivo ou papel de parede

Sala de Estar: procure uma temática que seja adequada ao estilo de sua sala. Se ela é clássica, paisagens podem ser muito interessantes. Pode-se optar por imagens como campos ou até mesmo figuras humanas ou representações de cenas do cotidiano. Já se a sala é mais contemporânea (com linhas mais retas e aspecto “clean”), quadros abstratos podem tornar o espaço mais estimulante ao apresentar cores fortes;

Sala de Jantar e cozinha: Em decorações clássicas costuma-se usar o tema natureza morta, mas no caso de salas mais modernas e integradas à cozinha pode-se optar por quadros abstratos ou até mesmo adesivos de parede além de esculturas e pratos coloridos.

dicas como expor obras de arte emme interiores studio modello (5)

Nesta sala de jantar as obras penduradas na parede remetem ao ato de se alimentar. São pratos, bandejas, receitas e talheres. Ficou ou não ficou um charme?

Quartos: Podemos colocar sobre a cabeceira um quadro grande ou vários tomando toda a largura.  Mas é um ambiente muito privado e pessoal, então vai depender muito da personalidade de cada um.

dicas como expor obras de arte emme interiores studio modello (6)

Nesse quarto masculino as plaquinhas na parede dão um ar jovial e aventureiro ao ambiente.

dicas como expor obras de arte emme interiores studio modello (7)

Quadros, espelho, corações, pelúcia, letras e até um pequeno varal para pendurar desenhos. Esta composição apostou na variedade e ficou charmosa e harmoniosa.

Quarto Infantil e de adolescente: Quadros menores, com temáticas infantis ou imagens de animais, ricos em detalhes, podem estimular a curiosidade e o interesse da criança. Já a decoração de quartos de adolescentes pode ser mais colorida e descontraída e expor a personalidade de quem usa aquele ambiente;

Escritório: Varia bastante de acordo com as atividades do espaço. Quadros com paisagens urbanas, animais (como cavalos e aves) são os mais clássicos nesses ambientes. Em home offices aposte nos quadros divertidos como pôsteres de bandas e filmes preferidos ou com imagens que combinam com o resto da decoração. Se for apoiar a obra diretamente no chão, é aconselhavel fazer apenas com 1 quadro para não ficar com aparência bagunçada. Os quadros médios e pequenos podem ser acomodados sobre móveis como prateleiras, mesas ou em nichos na parede.

Mãos à obra?

Agora que já aprendemos os conceitos pra escolher as composição mais indicadas para o seu ambiente é hora de pôr em prática. Você vai precisar de: Furadeira, buchas, parafusos (numero6), lápis, trena, fita crepe e jornal ou papel craft. Só use prego se o quadro for leve, escolha pregos de aço. Ganchos e adesivos só para quadros muito pequenos e leves.

Para as obras que vão ficar no chão não há com o que se preocupar, você pode mudar de posição se não gostar. Mas para evitar o fura-fura de paredes é bom seguir essa dica.

Use papel craft ou jornal para criar moldes com a medida dos quadros que você escolheu. Coloque os moldes no chão para se ter uma ideia de como elas se relacionam quanto ao tema, forma e cor.Faça os devidos ajustes até achar uma composição que agrade os olhos e tenha um sentido logico ou pelo menos coerente com suas aspirações. Agora é hora de prendê-los na parede com auxílio da fita adesiva.

dicas como expor obras de arte emme interiores studio modello (8)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Com a técnica do papel fica fácil visualizar antes de furar a parede.

Agora você já sabe onde vai furar. Cuidado com os canos, tubulações de hidráulica e elétrica.

Mais alguns bons exemplos de composições para se inspirar

 dicas como expor obras de arte emme interiores studio modello (9) dicas como expor obras de arte emme interiores studio modello (10) dicas como expor obras de arte emme interiores studio modello (11) dicas como expor obras de arte emme interiores studio modello (13) dicas como expor obras de arte emme interiores studio modello (12) dicas como expor obras de arte emme interiores studio modello (14) dicas como expor obras de arte emme interiores studio modello (15) dicas como expor obras de arte emme interiores studio modello (16) dicas como expor obras de arte emme interiores e studio modello  (1)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Perceba que os princípios trabalhados nessa matéria (Harmonia, proporção, equilíbrio) são usados em diversos outros aspectos da decoração, da arquitetura e da Arte. Gostou da matéria? Então curte nossa postagem e a página do STUDIO MODELLO pra ficar por dentro de tudo sobre Arquitetura, Design e decoração.

Escrito por Rafael Luz.Rafael Luz é Arquiteto e Urbanista formado pela UFPE e mantém o escritório Studio Modello  desde 2010

(Visited 1.024 times, 1 visits today)